O modelo caça às bruxas da Lava Jato

Compartilhem!

Esclarecendo: com CNJ, OAB, CASA CIVIL, CNBB e as partes “boas, se houver, da PF, MPF, MPU, STF, CGU, AGU, TCU, PGR, TSE.

As INSTITUIÇÕES precisam ser SUPREMAS, JUSTAS, PROBAS e GUARDIÃS da LEI e da ORDEM. Precisam se fazerem prevalecer sobre seus PREPOSTOS e VOGAIS.
. Exemplos:
a)- Cunha não é uma CÂMARA;
b)- Nardes não é um TCU;
c)- Gilmar Mendes não é um STF;
d)- Renan não é um SENADO;
e)- Moro não é um MPF;
f)- Malafaia não é IGREJA;
g)- Globo não é a VOZ DO POVO;
i)- FHC, SERRA, AÉCIO não são o BRASIL e/ou a SOBERANIA NACIONAL !
. Com sérios agravantes: Todos são processados ou respondem denúncias, processos/ações em curso !
.
#FabinhoItanhomi
.
#PelaMoralizaçãoDoJudiciário #ForaZéCardozo! #TiraOZéDoMinistérioDilma! #VazaCardoso #PrimaveraDasMulheres #MulheresContraCunha #NãoAoPL5069? #CunhaNaCadeia #ForaCunha #Pl5069 #ForaTvGlobo! #Lula2018!

#PrecisamosDeMaisMarietas #MaisMédicos #MaisJuizesSuiços!

#ACriseÉLindaApesarDaMídia

…………………………………………………………………………

Você está insatisfeita, quer ver o fim da ditadura midiática, que dita o que você vai ser, o que comer, o que fazer, o que usar? Faça sua parte, vamos agir objetivamente contra as velhas mídias:

QUERO O FIM DOS OLIGOPÓLIOS DA MÍDIA – (ASSINAR)
Eu quero o fim dos oligopólios e monopólios de mídia, a transparência nas concessões de canais de rádio e televisão, o fortalecimento da comunicação pública e comunitária, e a diversidade e a pluralidade de conteúdo nos meios de comunicação do Brasil. Por isso apoio o Projeto de Lei de Iniciativa Popular da Comunicação Social Eletrônica, conhecido como Projeto de Lei da Mídia Democrática, que regulamenta os arts. 5, 21, 220, 221, 222 e 223 da Constituição Federal.

#pluralidade #diversidade #liberdade #democracia #ContraPLespião #NãoPL215
Temos 300.000 assinaturas, precisamos de Um milhão…

Eu apoio o Projeto de Lei de Iniciativa Popular da Mídia Democrática, ASSINAR AQUI:
http://www.paraexpressaraliberdade.org.br/assina.php

Luíz Müller Blog

Lava JatoPor Luiz Nassif no Jornal GGN

A versão de que a Lava Jato é isenta e só recorre a vazamento de delações premiadas tornadas públicas é constantemente desmentida pelos fatos. Ou melhor, pelos boatos.

Tome a reportagem do Valor de hoje, “Diretor da Oi ligado ao PT vira alvo da Lava Jato”.

Lá, fica-se sabendo que José Zunga Alves de Lima é suspeito de atuar em favor da Oi.

Os motivos que alicerçam a suspeitas são os seguintes:

  1. Ele é visto pela Polícia Federal como tendo “bom trânsito” junto a altos escalões do governo federal. Aliás, como todo conselheiro de agência reguladora que vai trabalhar no setor privado.
  2. Além de diversos contatos com autoridades, em nome da Andrade Gutierrez, “os quais  podem ter sido beneficiados por repasses ou travestidos de doações eleitorais, chama a atenção a intermediação do contato entre Zunga e Benedicto Junior (presidente da Odebrecht Infraestrutura)…

Ver o post original 200 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s