“Não vamos descansar até que ele caia”, dizem jovens que jogaram dólares em Cunha

NÓS MULHERES SOMOS A MAIORIA DO ELEITORADO NO BRASIL!!!

NÓS PODEMOS MUDAR TUDO!!!

UNIÃO MULHERES, COMPANHEIRAS, VAMOS JUNTAS CONSTRUIR O PAÍS QUE QUEREMOS!

A EVOLUÇÃO NÃO ESPERA: PELA DEMOCRACIA! PELO FUTURO DE NOSSOS FILHOS!

O TEMPO URGE! TEMOS UMA REVOLUÇÃO A FAZER! VAMOS NOS EMPODERAR DA NOSSA PRÓPRIA HISTÓRIA!

VAMOS DAR UM FIM NAS VELHAS MÍDIAS!!! Cabe a própria dinâmica da história mostrar: a mídia vai perder. Ela pode mobilizar ainda milhões de analfabetos políticos, coxinhas, fascistas, sociopatas de toda espécie: isso não significa nada para a história, porque esses processos de manipulação de masssa são, infelizmente, comuns; mas todos são desmascarados depois de um tempo.

A verdade é que prevalece, sempre.

Está insatisfeita com a ditadura midiática que dita: o que você tem que ser, que pensar, que comer, quer falar, que agir, que comprar?!

Então, Faça sua parte, vamos agir objetivamente contra as velhas mídias:

QUERO O FIM DOS OLIGOPÓLIOS DA MÍDIA – (ASSINAR)
Eu quero o fim dos oligopólios e monopólios de mídia, a transparência nas concessões de canais de rádio e televisão, o fortalecimento da comunicação pública e comunitária, e a diversidade e a pluralidade de conteúdo nos meios de comunicação do Brasil. Por isso apoio o Projeto de Lei de Iniciativa Popular da Comunicação Social Eletrônica, conhecido como Projeto de Lei da Mídia Democrática, que regulamenta os arts. 5, 21, 220, 221, 222 e 223 da Constituição Federal.

#pluralidade #diversidade #liberdade #democracia #ContraPLespião #NãoPL215
Temos 300.000 assinaturas, precisamos de Um milhão…

Eu apoio o Projeto de Lei de Iniciativa Popular da Mídia Democrática, ASSINAR AQUI:
http://www.paraexpressaraliberdade.org.br/assina.php

Luíz Müller Blog

Thiago Pará e Carla Bueno, do Levante Popular da Juventude, falam sobre o movimento que pede a saída do presidente da Câmara.

Do Brasil de Fato

Denunciado por possuir contas em bancos na Suíça que somam R$ 5 milhões de dólares não declarados, o presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha (PMDB-RJ), passou por um momento inusitado na tarde desta quarta-feira (4). Durante uma entrevista coletiva à imprensa em Brasília, o parlamentar foi surpreendido por uma chuva de dólares falsos com seu rosto impresso nas notas.

A ação fez parte de um conjunto de ações realizadas por militantes do movimento Levante Popular da Juventude em 16 cidades pelo país.

O Brasil de Fato conversou com os militantes do Levante Carla Bueno e Thiago Pará, que também é secretário-geral da União Nacional dos Estudantes (UNE), detidos após a intervenção dos dólares em cima de Cunha. Na conversa, eles apontaram  que…

Ver o post original 1.085 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s